RÁDIO CATARINA FM ONLINE

CE registrou 40 casos de febre maculosa em 13 anos; veja sintomas e como ocorre transmissão

 Quatro mortes em decorrência da febre maculosa, nos últimos dias, em Campinas, no estado de São Paulo, alertam o Brasil para um surto localizado da doença causada por uma bactéria do gênero Rickettsia, transmitida pela picada do carrapato. O Ceará, conforme dados da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), registrou 40 ocorrências de 2010 a 2023, mas não houve nenhuma morte. 

Neste ano, o Estado recebeu 14 notificações e confirmou 4 casos. Ao todo, já houve 53 ocorrências da doença no país, com 8 mortes, de acordo com boletim do Ministério da Saúde. São Paulo é o estado com mais casos; dos 12, em 6 ocorrências os pacientes vieram a óbito. A maior concentração de casos, conforme a Pasta federal, é nas regiões Sudeste e Sul, e de modo geral ocorrem de forma esporádica.

Segundo Atualpa Soares, presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Ceará (CRMV-CE), não há necessidade de preocupação no Ceará. Em entrevista ao Sistema Verdes Mares, ele comentou que os riscos estão associados a regiões específicas do Brasil, sobretudo naquelas onde há a presença de capivaras.

Confira a reportagem completa AQUI

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem