segunda-feira, 29 de março de 2021

Convite para os adolescentes participarem do projeto Adoles-SER em Catarina; adolescentes interessados procurar CAPS, CRAS, Secretaria de Saúde ou Programa Saúde na Escola, para inscrição.

 


A conjuntura do novo coronavírus (Covid-19) têm afetado a vida das pessoas não só no âmbito da saúde física, mas também na mental. Uma pandemia representa uma ocorrência inusitada que pode causar estresse, medo, incerteza e desgaste emocional para qualquer um, mas o impacto psicológico nas crianças e adolescentes merece cuidado redobrado. Saúde Mental importa será realizado pela comissão de saúde mental dos adolescentes do município de Catarina-Ce.

Inscrições podem ser realizadas também através dos contatos abaixo;

Maria Diana (Técnica da Secretaria de Assistência Social de Catarina) - 98847-7973

Dra. Juliane Feitosa (psicóloga) 98829-0652


Catarina e mais 62 municípios cearenses já aderiram ao Programa Vidas Preservadas em 2021, diz Ministério Público do Ceará.

 

Foto - Caps de Catarina

63 municípios cearenses aderiram ao Programa Vidas Preservadas do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) em 2021. Com a adesão das cidades à iniciativa, criada em 2018 com o objetivo de promover sensibilização, mobilização e fortalecimento das políticas públicas para a promoção da saúde através da prevenção e da pósvenção do suicídio, agora são 115 o número de municípios no Estado que possuem e/ou buscarão desenvolver planos voltados à prevenção ao suicídio. O levantamento foi feito com base em dados obtidos pela Associação para o Desenvolvimento dos Municípios do Estado do Ceará (APDMCE), um dos parceiros do Vidas Preservadas. 

O coordenador do Programa, promotor de Justiça Hugo Porto, reforça que o Vidas Preservadas vem se tornando uma referência no estímulo e articulação de políticas públicas de saúde mental, de capacitação de agentes e sensibilização da sociedade. Para o membro do MPCE, a adesão de 63 municípios neste ano é reflexo também do contexto pandêmico que estamos vivendo. “Há hoje, no radar dos gestores públicos, a importância de se investir em saúde mental, equipamentos, serviços, e recursos humanos”, pontua o promotor, frisando que o Vidas Preservadas também se coloca como movimento da boa sinergia entre os parceiros públicos, privados e voluntários no sentido de contribuir com este processo de prevenção e pósvenção do suicídio. 

Confira a lista dos municípios que aderiram ao Programa em 2021 (dados atualizados até 26 de março)

Jornal das 7 - Rádio Catarina FM Online - com Diomar Araújo (Zap 9-8155-4472). Ao vivo na Rádio Catarina FM Online pelo Radios Net. Clique no link abaixo. www.radios.com.br/play/26726

Casos confirmados, suspeitos e internações por Covid-19 seguem em queda em Catarina; efeito lockdown.

 


Até este domingo (28), o número de pessoas recuperadas da Covid-19 no município de Catarina somente neste mês de março, chegou a 130, e durante todo período de pandemia, o município já contabiliza 547 altas médicas. Hoje, são 20 casos suspeitos de Covid-19, com 1 paciente internado.  

O número de casos confirmados também vem reduzindo de acordo com boletins epidemiológicos divulgados diariamente pela Prefeitura de Catarina e Secretaria Municipal de Saúde.   Durante todo período de pandemia, o município já registrou 607 casos confirmados.  Hoje, são 47 casos confirmados de Covid-19, com 2 pacientes internados.  13 óbitos registrados em quase 1 ano. 

Por - Diomar Araújo - Blog do Diomar Araujo







Açude do Sítio Lagoa do Arroz, zona rural do município de Catarina começou a sangrar na manhã de hoje, segunda-feira (29).


Vídeo enviado pelo secretário de Agricultura de Catarina, Paulo Roberto, para o Blog do Diomar Araujo.

Começa o cadastramento para solicitação de auxílio financeiro aos profissionais do Setor de Bares e Restaurantes do Ceará; veja como se cadastrar.

 

CLIQUE NA IMAGEM PARA SE INSCREVER

Começou hoje, segunda-feira (29) o cadastramento de profissionais desempregados do setor de bares, restaurantes e alimentação fora do lar para receber o auxílio financeiro no valor de R$1.000. Essa é uma das medidas anunciadas pelo governador Camilo Santana para apoiar o setor, um dos mais prejudicados pela pandemia da Covid-19. A medida será executada através da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur).

Os candidatos ao auxílio específico para o setor têm do dia 29 de março até 8 de abril para se cadastrar no site https://cadastroauxilio.setur.ce.gov.br . Nele, a Setur disponibilizará também um chat para tira-dúvidas.


Por meio desta ação, o Governo do Ceará pretende beneficiar cerca de 10 mil profissionais, com auxílio financeiro de R$ 1.000, pago em duas parcelas de R$ 500, mediante cadastro no Mapa de Informações e Indicadores do Turismo (Sistur). A validação da inscrição, com a conferência de cumprimento dos critérios, será feita pela Setur. O requisito obrigatório é que sejam trabalhadores recentemente desempregados, com última atuação registrada em estabelecimentos ou atividades que se enquadrem nas atividades com CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) do setor. Isso inclui restaurantes, bares e outros estabelecimentos especializados em servir bebidas, lanchonetes, casas de chá, de sucos e similares, serviços ambulantes de alimentação, fornecimento de alimentos preparados para empresas, alimentação para eventos e recepções – bufê e também cantinas – serviços de alimentação privativos e fornecimento de alimentos para consumo.

As ações anunciadas pelo Governo do Ceará são resultados de um processo de diálogo, por meio da Setur, com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) no Ceará, incluindo a definição do público-alvo e critérios de seleção.

Além dessa, outras medidas também anunciadas pelo governador, como isenção de IPVA para veículos registrados no CNPJ de empresas do setor e parcelamento das dívidas de ICMS com o Estado do Ceará em até 60 meses, estão em andamento.

 

Missão Velha e Martinópole devem ter novas eleições; outros municípios do Ceará estão sob impasse

 

Foto: Fabiane de Paula

Os eleitores de Missão Velha e Martinópole devem voltar às urnas neste ano para novas eleições municipais. Os prefeitos eleitos em 2020 foram afastados do cargo pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), após serem considerados inelegíveis. Nos dois casos, ainda cabem recursos às decisões. Outros municípios cearenses também correm o risco de passar por novo pleito, pois têm gestores ainda com pendência na Justiça.

Há prefeitos e vices na berlinda, aguardando decisões da Justiça Eleitoral, em Brasília, para tentar reverter sentenças do Tribunal Regional Eleitoral no Ceará (TRE-CE), que barraram suas candidaturas. A maioria dos impedimentos ocorreu por atos de improbidade administrativa praticados durante gestões anteriores nos municípios.Na última terça-feira (23), o TSE julgou o caso de Missão Velha. O ministro relator do processo, Edson Fachin, negou recurso do prefeito eleito, Dr. Washington Macedo (MDB), contra decisão do TRE-CE, que indeferiu a sua candidatura por improbidade administrativa.

NOVA ELEIÇÃO EM MISSÃO VELHA

Em um intervalo de seis dias, uma mulher de 80 anos recebeu duas doses da vacina CoronaVac , em Independência, no interior do Ceará.

Foto: Arquivo Pessoal

Em um intervalo de seis dias, uma mulher de 80 anos recebeu duas doses da vacina CoronaVac — produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac —, em Independência, no interior do Ceará. 

A caderneta de vacinação de Francisca Soares Bezerra, datada em 12 de março, mostra que a segunda administração do imunizante havia sido agendada somente para 9 de abril próximo. 

No entanto, no dia 18 último, seis dias após ser vacinada, a idosa recebeu novamente a visita de agentes da Secretaria Municipal para mais uma aplicação.  

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), é necessário respeitar o intervalo de duas a quatro semanas entre as doses da CoronaVac para garantir a eficácia do imunizante. A terapeuta ocupacional, Rozélia Bezerra, 59, filha de Francisca, conta que sua mãe chegou a questionar. 

“Ela anda esquecida. Então, pensou que estivesse tomando na data certa. Por isso, perguntou somente após a agente concluir: 'já é a segunda dose?'. Foi quando os profissionais de saúde responderam que seria a primeira”, detalhou. 

A caderneta anterior chegou a ser levada pelos agentes. A família entrou em contato com a Secretaria Municipal de Saúde, que confirmou o erro, afirmou que devolveria o documento e informou a necessidade de uma 3ª aplicação. 

“Estamos muito preocupadas e tristes com esse desperdício. Alguém deixou de tomar devido a esse erro”, disse Rozélia. 

O QUE DIZ O MUNICÍPIO 

Segundo o secretário de Saúde de Independência, Antônio Edi Vieira Coutinho, houve uma substituição na equipe de vacinação domiciliar, gerando uma "falta de comunicação" entre os profissionais. 

“Imediatamente (após tomarmos conhecimento), entramos em contato com a Área Descentralizada de Saúde de Crateús (ADS) e informamos o caso", afirmou. "Como protocolo, desconsideramos a primeira e passou a valer a segunda dose administrada. Por isso fizemos um novo cartão”, justifica. 

O secretário acrescenta que explicou o caso à família e pediu que pasta fosse comunicada caso ocorra qualquer reação adversa. 

PERDA DE DOSE E EFICÁCIA 

O infectologista Keny Colares, consultor da Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP) e pesquisador de casos de recorrência de sintomas da Covid-19 no Estado, pondera sobre perda de uma dose da vacina, mas destaca que o erro na aplicação não deverá gerar riscos à saúde da idosa. 

“É preciso esperar o sistema de defesa desafiar a primeira dose e depois fazer isso novamente com a segunda. Por isso, deve ocorrer no período determinado. Quando se utiliza fora dos prazos, pode perder a capacidade”, explicou. 

“Ou seja, pode até funcionar, mas não temos como garantir e ela precisará tomar uma terceira dose após duas ou quatro semanas da última”, reafirmou.

Um estudo realizado pelo Instituto Butantan para testar a eficácia da CoronaVac no Brasil apontou que a melhor resposta imune acontece no maior intervalo de tempo entre a aplicação das duas doses – entre 21 e 28 dias.

VACINAS NO CEARÁ

No Ceará, somam-se 1.175.250 doses recebidas em 10 lotes, segundo o Vacinômetro, atualizado pela Secretaria de Saúde do Ceará. Desse total, 806.347 foram aplicadas nos primeiros grupos prioritários da campanha, iniciada em 18 de janeiro último.

Chove em pelo menos 86 municípios cearenses em 24 horas; Jaguaribe registra maiores volumes

Foto: Reprodução/VC Repórter

Balanço da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) indica que houve chuva em pelo menos 86 municípios cearenses entre as 7h do sábado (27) e as 7h deste domingo (28). Os dados se referem à última atualização da plataforma do órgão, realizada às 12h30 de hoje — o órgão renova os dados ao longo do dia.

Em 24 horas, a cidade de Jaguaribe registrou os maiores volumes no Estado: foram observados 105 milímetros (mm) no posto Feiticeiro e 93 no posto homônimo. Logo em seguida, vêm os municípios de Piquet Carneiro (78 mm), Pereiro (76 mm), Acopiara (72 mm) e Ararendá (70 mm) com os maiores acumulados no período analisado.

Já em Fortaleza, foram observados, até a última atualização, 12,6 mm no posto Castelão e 5,8 mm no posto Messejana. 

O portal do órgão indica que houve chuvas em 181 municípios cearenses neste mês. A localidade com maior volume no período é Moraújo, com 608 mm.  Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), vem em segundo lugar com 482,6 mm, e a Capital, em terceiro, com 468 mm. As três localidades já superaram a média para o mês.

VEJA AS MAIORES CHUVAS ENTRE AS 7H DE SÁBADO (27) E DESTE DOMINGO (28)

Jaguaribe - posto Feiticeiro: 105 mm;
Jaguaribe - posto Jaguaribe: 93 mm;
Piquet Carneiro - posto Açude São José II: 78 mm;
Pereiro - posto Pereiro: 76 mm;
Acopiara - posto Acopiara: 72 mm;
Jaguaribe - posto Nova Floresta: 70,2 mm;
Ararendá - posto Ararendá: 70 mm;
Icó - posto Icozinho: 63,2 mm;
Tauá - posto Fazenda Belo Horizonte: 60 mm;
Ereré - posto Açude Santa Maria - 56 mm;
Iracema - posto Açude Santo Antônio Bastiões: 56 mm.