domingo, 29 de setembro de 2019

Municipalização da iluminação pública ainda gera divergências no Ceará; em Catarina, atualmente o processo está em transição entre a Prefeitura e a Enel.

Foto - Blog do Diomar Araujo 

Em Catarina, atualmente o processo está em transição entre a Prefeitura e a Enel. "Não temos obrigação legal, há um impasse porque a Enel ficou de entregar todo o parque funcionando, mas até hoje isso não ocorreu", explicou o secretário de Governo, Luís Amâncio. Apesar da briga judicial, o Município instituiu, em 2017, a CPI e hoje realiza serviço de troca das lâmpadas dos postes públicos.