OUÇA A RÁDIO CATARINA FM ONLINE - CLIQUE NO PLAY

Ticker

6/recent/ticker-posts
header ads

TJDF decide por exclusão do Crato do Campeonato Cearense; medida não altera resultado do Estadual

 O Tribunal de Justiça Desportiva do Ceará (TJDF-CE) decretou em julgamento, nesta segunda (25), a exclusão do Crato do Campeonato Cearense de 2022. O processo foi retomado após adiamento na última terça (19), com a consolidação da investigação sobre a manipulação de resultados pelo clube. A medida não afeta a tabela ou o título conquistado pelo Fortaleza.

Isso porque, dentro do processo, o TJDF-CE indicou que só quatro jogos deveriam ser anulados: Pacajus 5x0 CratoIguatu 7x0 CratoCrato 0x2 Atlético-CE Ferroviário 4x0 Crato. Os referidos confrontos terminaram com a derrota do Crato, ou seja, não há impacto direto na tabela de classificação.

Em sua decisão final, o Tribunal determinou que a Federação se abstenha de homologar os resultados do Campeonato Cearense de 2022. Isso, com a finalidade de oficializar a exclusão do Crato. 

Por meio da assessoria, a posição da FCF foi de aguardar a publicação do resultado do julgamento para se pronunciar. 

ENTENDA O JULGAMENTO

Durante o julgamento, a corte do TJDF-CE conduziu o julgamento para dois caminhos: o primeiro, com a invalidação de quatro jogos do Crato, listando apenas os jogos em que foram constadas a manipulação (o que não afetaria a tabela de classificação); enquanto o segundo envolveria um total de 16 partidas invalidadas (mudança a tabela de classificação).

No momento da votação, os auditores firmaram os votos do julgamento, decretando empate em 3 a 3. Por conta de um artigo da CBJD, em face do empate da dosimetria da pena imposta, a legislação indica que o cenário mais brando de punição seja imposto, o que resultou na opção de apenas quatro jogos anulados.

Legenda: Campeonato Cearense vive imbróglio com justiça estadual
Foto: Reprodução

Durante a sessão, o presidente do TJDF-CE, Fred Bandeira, tentou executar um voto de minerva para desempatar, mas isso foi invalidado justamente pelo artigo da CBJD, que foi levantado pelos advogados de defesa presentes no tribunal, representando os semifinalistas do Estadual e integrantes da Federação Cearense de Futebol.

Foto: divulgação / FCF. Escrito por 

Diário do Nordeste

Postar um comentário

0 Comentários

header ads