OUÇA A RÁDIO CATARINA FM ONLINE - CLIQUE NO PLAY

Ticker

6/recent/ticker-posts
header ads

142 cidades do Ceará incluindo Catarina estão sob ameaça de chuvas e ventos fortes nesta terça (12); há risco de queda de árvores; lista

 Pelo 11º dia consecutivo neste mês de abril, cidades cearenses estão sob o risco de chuvas fortes e rajadas de ventos que podem chegar a 60 km/h.

O mais recente alerta meteorológico foi emitido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e tem validade até às 10 horas desta terça-feira (12), contudo, ele pode ser renovado, como já vem acontecendo desde o início deste mês. Para essas localidades, o órgão aponta que as chuvas podem ter entre 20 e 30 mm/h ou até 50 milímetros ao dia. Neste alerta, que tem grau 1 de severidade - em uma escala que vai até 3 - há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas, embora seja baixo.

O Inmet sugere algumas recomendações a serem adotadas pela população destes municípios afim de minimizar os impactos em caso de confirmação dessas chuvas e ventos fortes. Dentre as dicas, o órgão aconselha que as pessoas não se abriguem debaixo de árvores, "pois há leve risco de queda e descargas elétricas", e aponta ainda para o não uso de aparelhos eletrônicos ligados à tomada. 

Trovoadas 

A cidade de Fortaleza não está inclusa no atual alerta, no entanto, o Inmet aponta possibilidade para "muitas nuvens com pancadas de chuva e trovoadas isoladas" para os períodos da tarde e noite desta segunda-feira (11).

A Capital cearense é, inclusiva, a cidade cearense com maior volume de chuva dentre as 184 cidades cearenses em 2022. Do dia 1º de janeiro até hoje, a Funceme já registrou o acumulado a 1327,2 milímetros, o que representa 92% de todo o volume esperado para o ano.

Escrito por André Costa. Diário do Nordeste 

Postar um comentário

0 Comentários

header ads