Secretaria de Saúde pede adequações em protocolo para liberar público de Fortaleza X Atlético-GO; Os ajustes devem ser enviados até às 23h59 desta quinta-feira (30), para o órgão decretar se haverá público ou não

 

Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa) solicitou nesta quarta-feira (29) adequações no protocolo desenvolvido pela Federação Cearense de Futebol (FCF) para o retorno do público aos estádios.

De acordo com a nota emitida pelo órgão, "a Análise Preliminar evidenciou não conformidades com alguns itens contidos no Protocolo de Eventos-Testes publicado pela Sesa e no atual decreto do Governo do Ceará de medidas de isolamento social contra a Covid-19 e liberação de atividades."Os ajustes devem ser enviados até às 23h59 desta quinta-feira (30), para o órgão decretar se haverá público ou não no duelo entre Fortaleza x Atlético-GO, marcado para sábado (2), pela 23ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

VEJA ADEQUAÇÕES SOLICITADAS

  1. Apresentar documento de anuência da Secretaria Municipal de Saúde assumindo o compromisso em fiscalizar e monitorar os participantes residentes em Fortaleza, pelo período de 14 dias;
  2. Apresentar Plano Operacional de como será realizado o monitoramento dos participantes, trabalhadores e colaboradores do evento;
  3. Apresentar comprovação de participação dos colaboradores no Curso de Biossegurança promovido pela Escola de Saúde Pública (esta atividade é oferecida gratuitamente e on-line, com oito horas de duração)
  4. Descrever como será realizada a comprovação do esquema de vacinação completo contra a Covid-19 em pelo menos 15 dias antes da realização do evento;
  5. Não permitir acesso a torcedores, funcionários e colaboradores com apenas a primeira dose da vacina, ainda que com teste de antígeno ou RT-PCR negativo;
  6. Não permitir venda e consumo de bebidas alcoólicas dentro do estádio.

CONFIRA COMUNICADO NA ÍNTEGRA

"A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), por meio da Coordenadoria de Vigilância Sanitária (Covis), emitiu, na tarde desta quarta-feira (29), ofício com Parecer de Análise Preliminar para autorização de evento-teste, endereçado à Federação Cearense de Futebol, solicitando adequações na proposta de protocolo sanitário para realização da partida de futebol entre as equipes do Fortaleza Esporte Clube e do Atlético Clube Goianiense, no dia 2 de outubro, com presença de público na Arena Castelão – limitada a 10% da capacidade do estádio.

A Análise Preliminar evidenciou não conformidades com alguns itens contidos no Protocolo de Eventos-Testes publicado pela Sesa e no atual decreto do Governo do Ceará de medidas de isolamento social contra a Covid-19 e liberação de atividades.

A Sesa solicita à Federação que encaminhe as adequações na proposta de protocolo sanitário da partida até as 23h59 desta quinta-feira (30), por meio eletrônico (e-mail), para que haja tempo hábil de emissão de parecer definitivo sobre a liberação ou não da presença de público na Arena Castelão durante a partida. A avaliação é específica para o jogo em questão, na condição de evento-teste.

Entre as adequações solicitadas pela Sesa (exigências descritas no Protocolo de Eventos-Testes e no decreto estadual), estão:

– Apresentar documento de anuência da Secretaria Municipal de Saúde assumindo o compromisso em fiscalizar e monitorar os participantes residentes em Fortaleza, pelo período de 14 dias;
– Apresentar Plano Operacional de como será realizado o monitoramento dos participantes, trabalhadores e colaboradores do evento;
– Apresentar comprovação de participação dos colaboradores no Curso de Biossegurança promovido pela Escola de Saúde Pública (esta atividade é oferecida gratuitamente e on-line, com oito horas de duração)
– Descrever como será realizada a comprovação do esquema de vacinação completo contra a Covid-19 em pelo menos 15 dias antes da realização do evento;
– Não permitir acesso a torcedores, funcionários e colaboradores com apenas a primeira dose da vacina, ainda que com teste de antígeno ou RT-PCR negativo;
– Não permitir venda e consumo de bebidas alcoólicas dentro do estádio."

Foto: Agência Diário. Diário do Nordeste 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem