Lula tem 56% de intenção de votos no 2º turno e Bolsonaro 31%, aponta Datafolha

 O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) segue liderando a corrida eleitoral para 2022 e está à frente do atual mandatário Jair Bolsonaro (sem partido). Nova pesquisa do Datafolha, divulgada nesta quinta-feira (17), aponta que o petista venceria o pleito no segundo turno por 56% contra 31% do chefe do Executivo.

O levantamento do Datafolha ouviu presencialmente 3.667 eleitores com 16 anos ou mais em 190 cidades do país entre os dias 13 a 15 de setembro. A margem de erro é dois pontos percentuais para mais ou para menos. 

Os números dos dois no primeiro turno se referem a um cenário em que Ciro Gomes (PDT), o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) e o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM) são incluídos como candidatos. De acordo com o Datafolha, eles têm 9%, 4% e 3% das intenções de voto.

Pesquisa estimulada de intenções de voto no 1º turno

  • Lula (PT): 44% (46% na pesquisa anterior)
  • Jair Bolsonaro (sem partido): 26% (25% na pesquisa anterior)
  • Ciro Gomes (PDT): 9% (8% na pesquisa anterior)
  • João Doria (PSDB): 4% (5% na pesquisa anterior)
  • Luiz Henrique Mandetta (DEM): 3% (4% na pesquisa anterior)
  • Em branco/nulo/nenhum: 11% (10% na pesquisa anterior)
  • Não sabe: 2% (2% na pesquisa anterior)

Lula apresenta maiores vantagens entre os mais pobres (até 34 pontos acima de Bolsonaro), menos educados (31 pontos), jovens (29 pontos) e mulheres (25 pontos). 

Po outro lado, 42% dos mais ricos votariam em Bolsonaro, enquanto Lula teria apenas 23% deste público. Os evangélicos são maioria para o presidente: 38% a 34% contra 26% a 32% para o petista.

DIFERENÇAS

Em uma das quatro simulações de primeiro turno, Lula teria 44% de intenção dos votos e Bolsonaro 26%, caso João Doria (PSDB) seja um dos candidatos (4%). Ciro Gomes (PDT) aparece em terceiro com 8%. 

O petista oscila de 46% para 42%, e Bolsonaro mantém os 25%, na hipótese em que o candidato do PSDB é o atual governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, este com 4%. Ciro Gomes novamente fica em terceiro, mas com uma porcentagem maior: 12%.

A pesquisa mostra que o cenário de intenção de votos não muda mesmo com os novos nomes cogitados para as Eleições de 2022, como o apresentador José Luiz Datena (PSL, 4%), o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM, 1%) e o ex-ministro Aldo Rebelo (1%). 

Foto: Alan Santos (PR) / Ricardo Stuckert (Divulgação).  Diário do Nordeste

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem