Em Salitre; Irmão de prefeito envia áudio sobre 'rachadinha', não consegue apagar e gera operação policial

 

Pelo menos sete mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos na manhã desta quinta-feira (22) em Campos Sales e Salitre, na Região dos Inhamuns, onde a Polícia Civil do Ceará (PCCE) apura um suposto esquema de "rachadinha" nesta última cidade.

Operação Dimidium, que em latim significa metade, investiga crimes de peculato, lavagem de dinheiro e associação criminosa em um "possível" desvio de salários de "pessoas contratadas na Prefeitura Municipal de Salitre", informou em nota a Polícia Civil. 

Os alvos da ação ainda não tiveram a identificação revelada. No entanto, a PCCE disse que iniciou a investigação ainda fevereiro deste ano após o vazamento de um áudio em que o irmão do atual prefeito "explana como organizou a suposta prática criminosa". À época, ele era diretor do Departamento de Pessoal e foi exonerado. "No total,  25 policiais civis participam da ofensiva policial, que é coordenada pelo Núcleo de Repressão à Lavagem de Dinheiro e Combate à Corrupção (NRLD), vinculado ao Departamento de Recuperação de Ativos (DRA)", complementou. 

PREFEITURA COLABORA COM INVESTIGAÇÕES

A prefeitura de Salite informou, em nota de esclarecimento, que o atual prefeito não é alvo de nenhuma investigação, e que a gestão atual vem trabalhando no firme cumprimento de deveres legais e promovendo uma administração pautada na probidade e transparência.

Por meio do Secretário de Administração, Finanças e Governo, o município informou ter "havido plena colaboração dos servidores em fornecer os documentos requeridos pela autoridade policial, uma vez que inexiste por parte desta Administração o intuito de omitir quaisquer fatos ou informações constantes de nossos setores".

Outras informações com os desdobramentos da Operação Dimidium serão divulgadas ao longo do dia pela PCCE. 

Foto: Divulgação/PCCE. Fonte - Diário do Nordeste

Ouça o áudio abaixo. 



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem