Postagens recentes

20/recent/ticker-posts

Blogroll

header ads

Polícia Civil Cumpre Mandado de Prisão em Desfavor de Autor de Homicídio Contra Comerciante.

Foto - Blog do Edy Fernandes 

 Inspetores da 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil Polícia, cumpriram na tarde desta segunda-feira,24, o mandado de prisão expedido pela Vara Única da Comarca de Tauá, contra Antônio Inácio Neto, 44 anos, acusado da morte do comerciante Cícero Jataí Cavalcante, conhecido por Irivan, fato ocorrido na noite do dia 16 de agosto de 2014, no Box da praça do Bairro Alto Brilhante, nesta cidade.

Na época do fato, o comerciante estava no interior do seu box, quando foi surpreendido pelo acusado, que chegou de cara limpa e efetuou pelo menos 5 disparos de revólver a queima roupa, onde dois balaços atingiram o abdômen da vítima.

Irivan ainda foi socorrido ao Hospital Regional, mas não resistiu.

Prisão
Após o crime, Antônio Neto fugiu e depois de 4 dias foi capturado por Policiais Civis, na casa de familiares no município de Parambú. Na delegacia ele confessou o crime, alegando ciúmes da sua ex-mulher de quem estaria separado há 7 anos, pois teria ido até a casa dela no dia anterior ao fato, e teria flagrado a vítima dentro da casa.

O autor do crime e réu confesso foi autuado em flagrante, por homicídio duplamente qualificado (por motivo fútil e sem dá a vítima a chance de defesa).

Antônio ficou preso cerca de 90 dias, e após este período, o mesmo foi liberado, aguardando o julgamento em liberdade.

Julgamento
Após alguns anos, o réu foi submetido a julgamento em Tauá, no dia 25 de julho de 2018, e o Conselho de Sentença, o condenou a 14 anos e 06 meses de reclusão, mas como ele estava em liberdade, e a sua defesa entrou com recurso, o acusado permaneceu como estava. Porém, em novo julgamento no Tribunal de Justiça do Ceará, o réu foi novamente condenado e expedido na semana passada, um mandado de prisão para o devido cumprimento da respectiva pena, inicialmente em regime fechado.

Antônio Neto é pedreiro e atualmente reside na Rua Júlio Gonçalves, bairro Manoel Alves Mota, em Tauá. Ele foi preso quando trabalhava numa obra, na Rua Antônio Cariri, bairro Planalto Quinamuiú, e agora se encontra recolhido no Xadrez da Delegacia Regional de Tauá e deverá ser transferido amanhã terça-feira,25, para o Centro de Triagem de Novo Oriente.

Por Flaviano Oliveira - repórter.

Postar um comentário

0 Comentários