quinta-feira, 11 de março de 2021

Paciente com suspeita de Covid morre no hospital de Quiterianópolis à espera de leito de UTI

 

Foto - Blog do Cicero Lacerda 

Uma paciente com suspeita de estar contaminada com Covid-19, morreu nessa terça-feira,09, no Hospital e Maternidade Quitéria de Lima, em Quiterianópolis, à espera de um leito de UTI-Covid na rede de saúde do estado. Maria Dionísia Barroso da Silva,64 anos, residente na rua José Peri, sede do município, deu entrada naquela unidade de saúde, com febre, fraqueza e falta de ar. A paciente era hipertensa e foi fumante durante muitos anos. Aos funcionários do hospital, senhora Maria relatou ter mantido contato com uma pessoa que testou positivo para Covid. Familiares da paciente informaram que os sintomas começaram a se agravar há cerca de dois dias e piorou nesta segunda.


De acordo com a direção do Hospital de Quiterianópolis, a paciente deu entrada naquela unidade por volta das 17h30 de segunda,08, e por logo às 18h30 o nome dela já foi incluído no sistema de regulação de leitos da rede estadual de saúde.

A equipe médica relata que fez diversas tentativas para transferir primeiramente a paciente para o hospital São Lucas, em Crateús, mas foi informada de que não havia nenhuma vaga de UTI Covid naquele hospital. Em seguida, insistiu com a equipe da Central de Regulação para que a paciente fosse transferida para Tauá ou qualquer outro lugar que tivesse vaga para recebe-la, mas o hospital de Quiterianópolis foi alertado de que não havia nenhum leito de UTI Covid disponível na rede em todo o estado.

A paciente acabou vindo a óbito, por volta das 8h35 desta terça-feira,09.

Foi colhido material da paciente e enviado para o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen/Fortaleza) para fazer o exame de Covid. O hospital de Quiterianópolis aguarda o resultado.

Repórter Cícero Lacerda