Postagens recentes

20/recent/ticker-posts

Blogroll

header ads

Carga com vacinas contra a Covid-19 vai ser escoltada pela PM até os centros de distribuição no Ceará

 

Foto - SSPD-CE

O carregamento com as 218 mil doses da vacina Coronavac que chegaram ao Ceará no fim da tarde desta segunda-feira (18) terá escolta armada do Comando de Policiamento de Choque (CPChoque) durante o transporte terrestre do imunizante para os municípios da Grande Fortaleza.  De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, as vacinas a serem enviadas às cidades do interior vão ser levadas em aeronaves para os aeroportos em Aracati, Jijoca de Jericoacoara e Juazeiro do Norte. Desses três aeroportos, os imunizantes serão distribuídos a municípios de quatro grandes regiões do Estado (Litoral Leste, Litoral Norte, Maciço de Baturité e Cariri) em aeronaves da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).

A Polícia Militar vai manter a escolta 24 horas por dia nos locais de armazenamento, mantidos sob sigilo, até o transporte para as unidades de saúde nos municípios cearenses, onde já está previsto o início da imunização.

No Ceará, a prioridade para receber a primeira dose da vacina é para profissionais da sáude na linha de frente de combate à Covid-19 de unidades públicas e privadas, que serão imunizados nos locais onde trabalham, e idosos institucionalizados (que residem em asilos).

A primeira carga de Coronavac, vacina contra a Covid-19, chegou a Fortaleza na tarde desta segunda-feira. O avião da Força Aérea Brasileira (FAB) aterrissou na pista do Terminal de Aviação Táxi Aéreo, conhecido como aeroporto velho de Fortaleza.

A carga contém 218 mil doses do imunizante, suficiente para prevenir 109 mil pessoas da doença, já que cada um deve receber duas doses da vacina. O intervalo entre a primeira e a segunda aplicação deve ser entre duas e quatro semanas

As primeiras pessoas a serem vacinas no Ceará são idosos com mais 75 anos, residentes de asilos e profissionais que trabalham na linha de frente do combate à pandemia.

Após a vacinação dos grupos prioritários, as demais pessoas receberão a vacina, ainda sem data para ocorrer. A secretária-executiva de Vigilância e Regulação do Ceará, Magda Almeida, afirma que as pessoas devem realizar um cadastro para garantir a Coronavac.

O governador Camilo Santana afirmou que a vacinação no Ceará deve começar ainda nesta segunda-feira.

As doses serão distribuídas nas cidades cearenses por meio de helicópteros e aviões nas seguintes cidades: Maracanaú, Caucaia, Baturité, Itapipoca, Sobral, Tianguá, Camocim, Acaraú, Crateús, Juazeiro do Norte, Crato, Iguatu, Brejo Santo, Icó, Tauá, Quixadá, Canindé, Aracati, Russas e Limoeiro do Norte.

A partir dos municípios citados acima, as doses serão distribuídas em vias terrestres para os demais municípios

Postar um comentário

0 Comentários