• RÁDIO CATARINA FM ONLINE AO VIVO - CLIQUE NA IMAGEM

sábado, 30 de maio de 2020

Vereador Dineudo Pereira entra na sala de isolamento para pacientes com Covid-19, no Hospital de Catarina, tenta entrar no Centro Cirúrgico sem equipamentos de proteção e destrata servidores do hospital.

Foto do Facebook do vereador Dineudo Pereira 

No inicio da tarde desta sexta-feira (29), o vereador de Catarina, Dineudo Pereira, teria causado um inicio  de tumultuo  no Hospital Municipal de Catarina, Dr. Gentil Domingues, segundo informações obtidas pela nossa reportagem, junto a direção do hospital, que, segundo as informações, o vereador Dineudo Pereira teria chegado ao hospital já destratando alguns funcionários e querendo entrar no ‘Covidário’ que são leitos reservados para pacientes com Covid-19, sem estar usando equipamentos de proteção adequado, sendo que esses leitos são de acesso apenas para médicos e demais profissionais da saúde que cuidam dos pacientes em isolamento hospitalar.  

Após insistir bastante, o gerente do hospital e enfermeiro Tiago Feitosa teria permitido o acesso do vereador Dineudo aos leitos (Covidários), e em seguida o vereador queria adentrar ao Centro Cirúrgico ainda sem EPIs, ocasião em que foi barrado pelo gerente do hospital, Tiago Feitosa, que teria dito ao mesmo “o senhor acabou de sair de uma área de risco reservado para pacientes com coronavírus e não pode entrar no Centro Cirúrgico sem  os equipamentos adequados. Vá em sua casa, tome banho, troque de roupas, venha usando mascará e terá todo acesso ao Centro Cirúrgico”, disse Tiago Feitosa para o vereador Dineudo Pereira.

O vereador Dineudo Pereira teria acionado o Ministério Público, e o promotor Dr. Alexandre Pascoal Konstatinou que estava em outra Comarca se deslocou até a cidade de Catarina e foi até o hospital com o vereador Dineudo Pereira, ambos paramentados, e logo após as visitas no Hospital e Centro Cirúrgico, o promotor teria elogiado as instalação e equipes profissionais e não teria encontrado nenhuma irregularidade.  As informações foram repassadas para o diretor do hospital, Jardel Mendonça, que estava de folga no dia do ocorrido (ontem, sexta-feira, dia 29).



Informações da direção do Hospital Municipal de Catarina Dr. Gentil Domingues. Estamos mantendo contato com as partes envolvidas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário