• RÁDIO CATARINA FM ONLINE AO VIVO - CLIQUE NA IMAGEM

sábado, 21 de março de 2020

Escola Pedro Jorge em Catarina inova e cria plataforma virtual para os alunos durante suspensão das aulas: Link no final da matéria.

Fotos - professor Ari Cosmo de Oliveira, diretor da Escola de Ensino Médio Pedro Jorge Mota

A Escola Estadual de Ensino Médio Pedro Jorge Mota, localizada na cidade de Catarina-CE, distante 398 km de Fortaleza, encontrou uma maneira para que seus quase 500 alunos não ficassem sem aulas durante a suspensão das atividades educativas, devido ao novo coronavírus. O Diretor da Escola de Ensino Médio Pedro Jorge Mota, professor Ari Cosmo de Oliveira, criou juntamente com sua equipe de professores um canal no Youtube para

que os alunos pudessem ficar em casa acompanhando os conteúdos das unidades curriculares.

A estratégia desenvolvida pela escola consiste em criar um canal no Youtube e adicionar uma Playlist pra cada professor. Nesta Playlist, os professores postam aulas gravadas por eles em casa e também postam vídeos de Domínio Público, observando os direitos autorais, visto que o canal não possui fins lucrativos e sim educativos. Os alunos se inscrevem no canal, assistem os vídeos e são orientados por grupos de WhatsApp, nas plataformas aluno on-line e professor on-line da SEDUC/CE, entre outras.

Os livros didáticos também estão sendo utilizados, visto que todos os alunos dispõem desta ferramenta. As aulas são gravadas e postadas conforme a carga horária e horário de cada professor. O professor, que desejar não gravar, pode pesquisar aulas de “domínio público”, sobre os assuntos de cada série e postar no canal da escola. Os professores são orientados a registrar na agenda de planejamento as orientações dadas em cada aula e a metodologia adotada, conforme orientações da escola. Para acompanhar os conteúdos, os alunos tiram fotos das atividades realizadas e encaminham para o professor.

Ari Cosmo, diretor da escola, destaca que as aulas ministradas dentro deste modelo precisam ser validadas, antes do registro, pela coordenação pedagógica. O educador também destacou para alunos, professores e familiares que a escola não está de férias. "Aproveitamos a crise, desencadeada pelo COVID-19, e criamos outras oportunidades de aprendizagem. Uma certeza nós temos: neste momento quase 100% dos nossos alunos estão em casa com os seus celulares, acessando a internet. Esta ação também contribui para que nossos alunos permaneçam em casa, conforme orientação do Ministério da Saúde e do governo do Estado, recebendo orientações de ensino." Destacou o Diretor.

As orientações dos estudos domiciliares também devem contemplar higiene e saúde e combate aos vírus, como também orientações de prevenção ao COVID-19. A escola está trabalhando de forma interdisciplinar: Língua Portuguesa está trabalhando interpretação de textos jornalísticos, dando ênfase aos textos sobre a pandemia. Matemática está estudando em que progressão os vírus aumentam. A disciplina de Biologia está levando aos alunos a maneira de se protegerem dos vírus. "Cada componente curricular está contextualizando os conteúdos com o momento que estamos vivenciando". Afirma o diretor Ari Cosmo. A escola está procurando parcerias com outros canais que desejem compartilhar experiências com os seus alunos.

O Diretor destaca que o momento que estamos vivendo vai passar e é preciso desenvolver estratégias para que a educação seja assegurada, visto que é somente através do ensino e da pesquisa que poderemos desenvolver vacinas e medicamentos para conter doenças e o aparecimento de vírus como este que estamos lidando. Ainda segundo o diretor, não há nenhuma atividade presencial ou contato entre alunos, professores e a coordenação pedagógica. Todas as aulas são gravadas em casa e são envidas por e-mail para serem postadas. Além disso, todas as demandas solicitadas pelos professores são feitas através de plataformas virtuais e redes sociais. Ari ainda destaca que, esta estratégia está amparada legalmente pela Resolução CNE/CEB Nº 3, de 21 de novembro de 2018, Art. 17, que prevê que até 20% da carga horária total do ensino médio pode ser realizada por meio de atividades à distância. Para acessarem o canal os alunos só precisam entrarem no Youtube e digitarem Escola Pedro Jorge. Depois eles acessam a Playlist e assistem as aulas de cada professor.

Por professor Ari Cosmo de Oliveira, diretor da Escola de Ensino Médio Pedro Jorge Mota.









Nenhum comentário:

Postar um comentário